Data Loading...

POLÍTICA ESG - Complexo Mabu Flipbook PDF

POLÍTICA ESG - Complexo Mabu


135 Views
26 Downloads
FLIP PDF 4.53MB

DOWNLOAD FLIP

REPORT DMCA

POLÍTICA

ESG

PA L AV R A S D O C E O Saber que estamos caminhando com passos firmes em direção ao único turismo que será aceitável daqui a alguns anos enche-nos de orgulho e nos entusiasma a aprimorar ainda mais.

Apoiados na Política de Gestão da Sustentabilidade, em execução no complexo desde 2012, encaramos como missão reduzir impactos e transformar de maneira positiva o setor hoteleiro e de entretenimento. Prestes a completar 50 anos de Rede Mabu de Hotéis & Resorts, reforçamos nosso compromisso de tornarmos nossos negócios cada vez mais sustentáveis, usando de nosso know-how e consolidação no mercado de hospitalidade e entretenimento. Deixo meu agradecimento especial aos colaboradores, hóspedes, acionistas e fornecedores pela participação diária, que com sua dedicação contribuem para excelentes resultados. WELLINGTON ESTRUQUEL | CEO

ENVIRONMENTAL

POLÍTICA DE GESTÃO

DA SUSTEN TA BI L I DA D E Alinhado à nossa missão e respeitando os nossos valores, a Política de Gestão da Sustentabilidade segue as diretrizes: Implementar processos gerenciais e operacionais que garantam a satisfação das necessidades dos clientes e acionistas, estimulando o seu comprometimento com as questões ambientais e socioculturais. Atender aos requisitos legais e outros aplicáveis à sustentabilidade.

Manter um relacionamento de cooperação, credibilidade e transparência junto aos órgãos governamentais e partes interessadas.

Promover crescimento pessoal e profissional dos seus colaboradores e a busca da melhoria contínua das condições de trabalho, saúde e segurança e da qualidade de vida.

Fomentar o desenvolvimento sustentável e a melhoria da qualidade de vida da comunidade nas localidades onde atua.

Conservar o meio ambiente buscando a utilização das melhores práticas.

Promover ações sócio-culturais e ambientais que atendam as expectativas das partes interessadas, visando a melhorar a imagem do destino turístico.

Evitar e prevenir a poluição por meio da redução dos impactos ambientais relacionado a efluentes hídricos, resíduos sólidos e emissões atmosféricas.

COMPLEXO

MAB U

O Mabu conta com áreas de lazer integradas à natureza, além de diversas opções de entretenimento indoor e outdoor: complexo de piscinas e praia com águas termais, personagens da Turma do Mabu, esportes radicais e pescaria esportiva para a diversão de toda a família.

ALÉM DISSO OFERECE:

6

S PA

R E S TA U R A N T E S C O M C O Z I N H A NACIONAL E INTERNACIONAL

TRILHA PARA COOPER E CAMINHADA

COFFEE BAR E BARES EXTERNOS

2 São 300 mil m² de área, destas, 7 mil m² com piscinas e praias de águas termais.

FITNESS CENTER

O complexo está localizado sobre o Aquífero Guarani, uma fonte natural e renovável de águas termais com temperatura da água próxima de 36º C o ano todo, possibilitando aos hóspedes banhos a qualquer hora, 36 em qualquer estação do ano.

4

MABU GIFT STORE

AMPLO ESPAÇO PARA EVENTOS

Localizado a poucos minutos do Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu e próximo dos principais atrativos turísticos da cidade, o Mabu Thermas é também o primeiro resort do Brasil a conquistar certificação em sustentabilidade, em 2012, conforme a norma NBR 15401 da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), por trabalhar com ações que visam ao turismo sustentável.

RECURSOS

H ÍDR ICO S O Complexo Mabu leva o assunto a sério, além de priorizar boas práticas e realizar diversas ações.

CONSERVAÇÃO E GESTÃO DO USO DAS ÁGUAS O Complexo Mabu é composto por:

PISCINAS E PRAIAS TERMAIS As fontes do Mabu Thermas, em suas nascentes, enquadram-se nos padrões de balneabilidade pela Resolução Conama nº 274, de 29 de novembro de 2000, e efluentes pela Resolução Conama nº 357, de 17 de março de 2005.

O Complexo Mabu está localizado sobre o Aquífero Guarani - principal reserva subterrânea de águas do mundo - e utiliza o aquífero para abastecimento do Resort e para balneabilidade e, suas ósconas e praias termais conforme disposto na Portaria nº 374, de 1º de outubro de 2009. DOU de 07/10/2009, que aprova a norma técnica que dispõe sobre as especificações para o aproveitamento de água mineral, termal, gasosa, potável de mesa. O Mabu realiza o monitoramento mensal da qualidade da água nas piscinas e praias termais, em conformidade com a legislação aplicável, por meio de coleta de amostras encaminhadas a laboratórios acreditados, onde são feitas as análises físico-químicas e biológias com o objetivo de assegurar o fornecimento de água de qualidade para a execução de todas as atividaades do Complexo e garantir o melhor aproveitamento e a proteção ambiental dos recursos hídricos que caracterizam o bem econômico da região. A utilização de águas naturalmente aquecidas da fonte reduz a poluição ao meio ambiente e minimiza o consumo de energia, pois o Complexo não utiliza para o funcionamento das piscinas e praias termais: Material combustível para aquecimento; Produtos químicos para tratamento da água; Motor, bombas de filtros, recirculação e aspiração.

16

O monitoramento da vazão dos poços em uso é realizado semanalmente em conformidade com a outorga emitida pela SUDERHSA - Superintendência de Desenvolvimento de Recursos Hídricos e Saneamento Ambiental.

O Complexo utiliza água da SANEPAR (Companhia de Saneamento do Paraná) proveniente de mananciais subterrâneos ou aquíferos, somente para resfriamento do ar condicionado central ou quaando necessária a substituição do abastecimento pelos poços.

P R ÁT I C A S PA R A A R E D U Ç ÃO D E C O N S U M O D E Á G UA

0,0021m3 / HÓSPEDE / DIA Média de consumo de água da SANEPAR

0,388m3

/ HÓSPEDE / DIA

Média mensal de consumo dos poços de abastecimento do Resort

109.170m3 Média mensal de consumo dos poços de água termal Caixa acoplada nos sanitários com acionamento duplo

E M I S S ÃO D E E F L U E N T E S O Complexo Mabu faz o tratamento de

100%

de suas águas residuais através de estação de tratamento de efluentes (ETE) própria, do tipo RALF (Reator Anaeróbio de Lodo Fuidizado).

O sistema obedece ao Plano de Gerenciamento da Qualidade da Água, conforme Portaria Federal 2914/2011 ANVISA/Ministério da Saúde, e com a outorga do Instituto de Água do Estado do Paraná, através das portarias 858/2011 e 591/2008 - DRH, emitidas por este órgão.

Gestão de monitoramento da utilização das toalhas de piscina

Vistoria semanal para prevenção de vazamentos ou fugas de água

Treinamento dos colaboradores para evitar desperdícios

A ETE tem capacidade para tratar

de esgoto/hora com eficiência de remoção da carga orgânica maior que em conformidade com a Resoluçãao Conama nº 430, de 13 de maio de 2011, bem como com a referida outorga.

90%

Gestão do funcionamento dos chillers da bomba do chafariz e dos poços com horários pré-estabelecidos e de acordo com a ocupação do Complexo

Produtos químicos biodegradáveis que evitam a contaminação da água e do solo

Dosadores automáticos, que regulam a quantidade do produto utilizado e demandam menor quantidade de água para sua utilização.

PRÁTICAS PARA A REDUÇÃO

EFICIÊNCIA

N O CO N S U M O D E E N E R G I A

E N ER G ÉTICA Em conformidade com o Sistema de Gestão da Sustentabilidade, as iniciativas a seguir contribuem para a redução do uso de recursos naturais renováveis e não renováveis. O Complexo Mabu substituiu o consumo de energia (proveniente da companhia paranaense de energia COPEL) e a utilização diária de seus geradores de energia elétrica a diesel, pela compra de energia renovável do Grupo Electra no mercado livre.

REDUÇ ÃO DE

toneladas de 6.482 Co2 não emitidas na atmosfera.

130

mil DNOE CONSUMO DIESEL

Manutenção preventiva de equipamentos

litros

100% das lâmpadas do Complexo Mabu são de LED

Manutenção periódica dos equipamentos de ar-condicionado

REDUÇ ÃO DE NO VALOR PAGO PELO CONSUMO DE ENERGIA

39%

24,444 kW/h HÓSPEDE DIA

Média de consumo de energia

Sensores de luz nas áreas comuns

Placas solares com 60 módulos de coletores solares que produzem 15m³ de água para o abastecimento de água quente

CONSUMO DE

GESTÃO DE

GÁS

RESÍDUOS

Foi estabelecida a utilização alternada dos queimadores, responsáveis pelo aquecimento da água de abastecimento do Resort, que anteriormente eram utilizados de forma simultânea.

Algumas ações demonstradas a seguir têm como objetivo controlar e reduzir a produção de resíduos sólidos dentro do Complexo Mabu.

Esta ação resultou na redução de, aproximadamente, 15% no consumo de gás.

O Mabu tem entre suas práticas a aquisição de produtos de fornecedores locais e de refis ao invés de embalagens, sempre que possível, evitando maior geração de resíduos.

A utilização de sistema solar representa anualmente a redução de 40% do consumo de gás necessário para aquecimento da água

0,19Kg

/HÓSPEDE/DIA Média de consumo de gás

REDUÇ ÃO DE ATÉ NO CONSUMO DE GÁS

15%

Fazemos a separação do lixo em recicláveis e orgânicos. Todos os resíduos são identificados, o que proporciona monitoramento e correta retirada segregada. Todos os resíduos são pesados diariamente para o monitoramento em relação a sua produção frente à ocupação do Resort ou durante a realização de eventos.

REDUÇÃO NO

D E SPE RD Í C I O D E AL I M E N TO S

PRÁTICAS PARA A REDUÇÃO

DE CONSUMO DE GÁ S Sistema de estoque controlado

Aquecimento solar para geração de água quente

Manutenção preventiva dos queimadores

Utilização alternada de queimadores

Planejamento do cardápio de acordo com a sazonalidade, número de hóspedes ou participantes dos eventos

Utilização completa dos alimentos, sempre que apropriado, como talos, cascas, entre outros

Monitoramento diário de consumo Incentivo à utilização de caixas Logística reversa de plásticas retornáveis para os embalagens de produtos fornecedores de hortifrútis químicos, de limpeza e caixas de madeira de hortifrútis

SAÚDE E

DESTINAÇÃO DOS

S EG U R A N ÇA

R ES ÍDUOS

Os resíduos gerados pelo Mabu Thermas são destinados adequadamente

RESÍDUO Resíduos orgânicos e dejetos Resíduos recicláveis

QUANTIDADE

É de fundamental importância a integridade física de todos nas dependências do Complexo.

DESTINAÇÃO FINAL

Média anual 1,2 kg/hóspede

Sistema público de coleta

Média anual 0,21 kg/hóspede

Sistema público de coleta (que encaminha para cooperativa)

NR 7

PCMSO - Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional

NR 20

Líquidos Combustíveis

NR 9

PPRA - Programa de Prevenção de Riscos Ambientais

NR 10

Instalações e Serviços em Eletricidade

NR 5

CIPA - Comissão Interna de Prevenção de Acidentes

NR 11

Transporte, Movimentação, Armazenagem e Manuseio de Materiais

NR 6

EPI - Equipamentos de Proteção Individual

NR 12

Segurança no Trabalho em Máquinas e Equipamentos

NR 23

Proteção Contra Incêndio

NR 35

Trabalho em Altura

Lâmpadas

4.148 unidades

Empresa especializada

Pilhas

18kg

Empresa especializada

Óleo de cozinha Porcelana e vidro quebrado

T R E I N A M E N TO S

2.400 litros 1.723kg (média/ano)

Vendido para empresa de reutilização e reciclagem Empresa de produção de porcelanato

NA REALIZAÇÃO

DE EVE N TOS

O Mabu orienta seus clientes para o consumo consciente de acordo com o número de participantes e prevê cláusula no contrato para garantir o descarte correto dos resíduos gerados pelo evento.

DESTINAÇÃO E RASTREAMENTO

DOS RE SÍ DU OS

Todos os resíduos destinados ao sistema público são identificados para rastreamento e direcionamento correto.

Monitores capacitados por profissional especializado, para as atividades de aventura

Estrutura de lazer de aventura vistoriada por engenheiro responsável

Piscinas monitoradas por salva-vidas

S E G U R A N Ç A D O S A L I M E N TO S

SATISFAÇÃO DO

CLIENTE

O Complexo Mabu possui departamentos responsáveis pelo relacionamento com o cliente que acompanham os acontecimentos no resort, parque e miltipropriedade, identificando as necessidades e respondendo a todas as sugestões, reclamações e elogios.

Visitas técnicas nos fornecedores de perecíveis

Verificação diária das condições de armazenamento de alimentos preparados e pré-preparados

Treinamento de colaboradores manipuladores de alimentos e orientações diárias conforme necessidade

Controle diário da temperatura de câmaras frias, dos equipamentos (freezer, refrigeradores, estufa, banho-maria) e dos alimentos

Especificação e divulgação da quantidade de calorias, presença de glúten e lactose no Buffet

Coleta diária de amostras de todas as refeições servidas no Complexo para verificação

A satisfação do cliente é pauta das reuniões semanais de diretoria, que inclui a análise de resultados obtidos pelo sistema de avaliação das atividades e serviços e o monitoramento dos comentários online, em mídias e redes sociais.

SOCIAL

RESPONSABILIDADE S O C I A L E A M B I E N TA L O Modelo de Gestão do Mabu almeja para todos os colaboradores trabalhar cooperativamente, compartilhando recursos, informações, experiências e ideias, visando atingir as metas e o crescimento do Complexo.

TOTAL DE COLABORADORES ATIVOS:

TOTA L D E APRENDIZES:

TOTA L D E E S TA G I Á R I O S :

6 82

44

4

TOTA L D E COLABORADORES PCD’S:

15

TOTA L D E COLABORADORES MULHERES:

6 0%

TOTA L D E COLABORADORES GERENTES/COORDENADORES:

TOTA L D E COLABORADORES LOC AIS:

TOTAL DE MULHERES E M CARGOS DE ALTA GERÊNCIA:

MÉDIA ANUAL D E R OTAT I V I DA D E : INTERNAS:

9 5%

GERENTES: 33% DIRETORAS: 22%

6%

MÉDIA MENSAL DE PROMOÇÕES INTERNAS:

4

T R E I N A M E N TO S O Mabu visa disseminar conhecimentos técnicos e desenvolver práticas profissionais para o aperfeiçoamento de toda sua equipe.

Programa de integração de novos colaboradores em seus primeiros dias no Complexo, apoiando-o para sua integração à cultura da empresa

Treinamento de experiência do cliente

Programa de Desenvolvimento de Gerentes

Programa de Desenvolvimento de Líderes

Sensibilização periódica sobre assédio moral e sexual, xenofobia, comunicação não violenta, diversidade e inclusão

Dezenas de palestras e treinamentos de sustentabilidade para todas as áreas do Complexo

38

PA R A C O L A B O R A D O R E S E C O M U N I DA D E

Parceria com os acadêmicos da UDC, Uniamérica, Unioeste, Uninter, UniFoz, UniCesumar, SENAC, CEBRAC, Wizard, Fisk, CNA e Rockefeller

Festa de final do ano com sorteios de brindes, sexta temática no refeitório e café da manhã interativo entre colaboradores e gestores

Festa de aniversariantes do mês

Campanha de vacinação e exames clínicos na empresa

Festa Junina, Dia da Mulher e Festa de Natal

Campanha de apoio ao Lar dos Velhinhos

Visitas técnicas de estudantes nas empresas. Feira de profissão para estudantes.

Doações de roupas e alimentos para instituições credenciadas da cidade e região

Ação Janeiro Branco, Setembro Amarelo, Outubro Rosa e Novembro Azul

Ação com crianças, filhos dos colaboradores no Complexo com acompanhamento da equipe de lazer no dia da criança

Programa de assiduidade, em que todos os meses são sorteados benefícios para os colaboradores elegíveis. Premiação mensal para uso do parque aquático com a família

Convênio com mais de 40 pontos do comércio local visando benefícios aos colaboradores e familiares Capacitação para atendimento ao autista. 91% da equipe treinada

DNA (Dia Nacional da Alegria) Ação social com crianças da rede municipal de ensino proporcionando um dia de diversão

DNPD (Dia Nacional da Pessoa com Deficiência) Ação de integração social a pessoas com deficiência de Foz e região

R E C O N H E C I M E N TO S E C E RT I F I C AÇ Õ E S MABU THERMAS GRAND RESORT

Instituições beneficiadas: - Aldeias Infantis - Projeto Anjos da Madrugada - Projeto um chute para o futuro - Lar dos velhinhos - Centro de Nutrição Infantil - APASFI - Assosiação de Pais e Amigos dos Surdos de Foz do Iguaçu - APAE - Associação dos Amigos Excepcionais de Foz do Iguaçu - Núcleo Criança de Valor

TRIPADVISOR

RCI

VENCEDOR DO TRAVELLERS’ CHOICE™ 2013/2014/2015/2016/2017

E X C E L L E N C E IN SERVICE 2016/2019/2022 GOLD CROWN 2019/2022

CERTIFICADO DE SUSTENTABILIDADE NBR15401 P R I M E I R O RESORT DO BRASIL A CONQUISTAR, E M 2 0 1 2 , CERTIFICAÇÃO CONFORME A ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS (ABNT)

PRÊMIO BRAZTOA DE SUSTENTABILIDADE C AT E G O R I A M E I O S D E H O S P E DAG E M 2 0 1 4 - 3 º L U G A R F I N A L I S TA C AT E G O R I A M E I O S D E H O S P E DAG E M 2 0 1 7

LUXURY TRAVEL GUIDE RESORT DO ANO 2015

MABU CURITIBA BUSINESS

RCI

GOLD CROWN 2022

MY MABU

RCI

SILVER CROWN 2022

GOVERNANCE

Criação e implantação do modelo de governança corporativa em 2010 com empresa especializada: Partner Consulting

Implantação da governança corporativa em 2011 com criação de um Conselho de Administração e contratação de executivo especializado (CEO)

Conselheiro de Administração externo

Comitê de RH e Pessoas

Comitê Fiscal

12º Ciclo de Planejamento Estratégico, elaborado pelos acionistas e comitê executivo

Conselho de família desde 2011

Auditorias anuais externas

Existência de um canal de denúncias

Código de conduta